Informo | Ciência explica por que tendemos a querer mudar para a fila do lado

Ciência explica por que tendemos a querer mudar para a fila do lado


Não importa em qual fila você esteja, a sensação é que a do lado irá mais rápido. Mas mesmo que você mude de fila, a sensação continua: parece que a fila abandonada começou a andar justamente quando você saiu. E aí, como agir? Ter paciência e esperar, mudar novamente ou desistir totalmente do que você precisava fazer? O pesquisador Ryan Buell, da Escola de Negócios da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, estudou justamente como os consumidores se comportam diante dessa situação. 'O homem mais rico da história', de quem você talvez nunca tenha ouvido falar 'Aos 20 anos, tenho osteoporose e nunca menstruei': como uma atleta britânica destruiu seu corpo para ser campeã De acordo com sua pesquisa, quando uma pessoa está em último na fila, tem quatro vezes mais chance de abandoná-la e duas vez mais chances de trocar de fila – mesmo que a outra fila não esteja objetivamente andando mais rápido. Mas se houver alguém atrás desse indivíduo, as chances caem. Se mudar de lugar não necessariamente trará algum benefício, por que o fazemos?




227 | 2018-01-12 | Science | Brazil

Write by Lucas1818